1

Pastor Adiel Santana Santos 

        

Tema: O Espírito da Graça

Texto: II Coríntios 8: 9

“Porque já sabeis a graça de nosso Senhor Jesus Cristo, que, sendo rico, por amor de vós se fez pobre; para que pela sua pobreza enriquecêsseis.” - II Cor. 8: 9.

Esta é uma das descrições mais lindas a respeito da graça.
Alguém rico que ficasse pobre para que outros, por causa desta sua pobreza, enriquecesse.
Foi exatamente isso que Jesus fez!

E fez por mim e por você!
Esta é a graça de Cristo sobre nós!
Gosto também desta de Philip Yancey:
“Graça significa que não há nada que possamos fazer para Deus nos amar mais ou que não há nada que possamos fazer para Deus nos amar menos.”
Graça significa que Deus já nos ama tanto quanto é possível um Deus infinito nos amar. Deus nos ama!

Toda honra e toda glória seja dada ao Senhor! Louvado seja Deus!!! Aleluia!!!
E o profeta Zacarias no Cap. 12: 10; profetizou: “E sobre a casa de Davi, sobre os habitantes de Jerusalém, derramarei o Espírito de graça e de súplicas; e olharão para Mim, a quem transpassaram; e o prantearão como quem pranteia pelo Unigênito; chorarão amargamente por Ele, como se chora amargamente pelo primogênito.”

Quando Jesus morreu na cruz, todos choraram pelo Unigênito de Deus que deu a sua vida por nós.
As mulheres choraram, choraram tanto pelo caminho, que Jesus ao levar a pesada cruz para o calvário debaixo de açoites, gritos de humilhações, tapas, empurrões, cusparadas, pontapés, estava ferido, a carne machucada pela brutalidade dos carrascos, a carne rasgada pela força do chicote, rejeitado e condenado a morte pela multidão que gritava enlouquecida: “Crucifica-o, crucifica-o.” Pilatos disse que não via nEle culpa alguma e lava as suas mãos.
Seus discípulos amedrontados, se escondem com medo de serem mortos.
Só lhe resta as mulheres e elas choram, choram tanto, a ponto, de ainda assim mesmo, Jesus se compadecer delas e dizer: “... Filhas de Jerusalém, não choreis por Mim; chorai, antes, por vós mesmas e por vossos filhos.” - Mat.23: 28. Glória a Jesus!

A graça de Deus nos alcançou!
Uma graça abundante e transbordante!
O Apóstolo João disse: “E todos nós recebemos também da sua plenitude, com graça sobre graça.” – João 1: 16.
Graça sobre graça! Aleluia!!!
No filme – “O Último Imperador” -
O menino ungido como o último imperador da China vive uma vida mágica de luxo com mil eunucos, à sua disposição, prontos para servi-lo.
O que acontece quando você faz uma coisa errada? – Perguntou alguém.
Quando faço uma coisa errada, outra ...

pessoa é castigada. – Respondeu o imperador-menino. Vem e veja; então, ele quebra um bonito jarro do palácio e logo um dos servos é espancado.
Foi exatamente isto que Jesus fez por nós.
Nós pecamos e Jesus foi castigado na cruz.
Jesus inverteu esta história. Jesus trocou de lugar com a gente. Nós erramos e Ele foi espancado, e, até mesmo com uma cana lhe bateram na cabeça enterrando-lhe uma coroa de espinhos.

Na visão do céu ficou assim: “Os servos erraram, portanto, o Rei foi punido.”
A graça é gratuita, apenas, porque o Doador da Vida assumiu o preço e o doador é Jesus; é Jesus de Nazaré!
A graça é de graça, porque, Jesus pagou o preço da cruz.
Quando a graça entra e se infiltra, faz parte da gente, se torna nossa realidade, um favor de Alguém e Alguém muito especial, um favor imerecido, sem que haja mérito algum em nós para isso, um presente precioso, valoroso, impagável, assim fora do tempo, não é aniversário, não é porque somos importantes, famosos, nem porque já demos a Ele um outro presente de grande valor, não é porque somos amigos do peito e não somos, somos até inimigos, inimigos de Deus é o que a Bíblia diz. E para este inimigo chamado eu e você, recebemos o presente da graça de Deus e quando isto acontece não importa o que os críticos dizem ao teu respeito, os que  lhe querem apedrejar não importa mais.
Você não é o que eles dizem que você é.
Você é quem Deus disse o que você é.
Você é filho de Deus, amado por Deus; abençoado pelo Pai, herdeiro da promessa de Deus, um filho honrado e querido. Ligado a Deus pelo Espírito Santo, batizado no Espírito da Graça, perdoado por Jesus, espiritualmente vivo, posicionado no céu, na verdade, assentado nas regiões celestiais e selado pelo Espírito de Deus como propriedade particular, raça eleita, pedras preciosas, sacerdócio real, nação santa e povo adquirido.
Aleluia!!! Amém!!! Glorifique a Jesus!!!
Jesus é o Rei da glória!
Jesus é o Espírito da graça que veio e que todos por Ele choraram amargamente! Jesus é o filho unigênito do Pai! Jesus foi Aquele rico que ficou pobre para que eu e você enriquecêssemos do céu, do tesouro da glória de Deus, mansões celestiais e cidadão do Reino de Deus para sempre!
Quando Jesus morreu; os romanos selaram o sepulcro de Jesus. É como estivesse dizendo: “Este sepulcro pertence a Roma.” E puseram soldados lá para garantia de que a tumba era de Roma. No entanto, Roma não pode segurar Jesus lá – Ele ressuscitou!
Glória a Deus! Jesus ressuscitou e vive!
O Espírito Santo sela você! A Bíblia diz: “... Fostes selados com o Espírito Santo da promessa, o qual é penhor da nossa herança.” – Efésios 1: 13 – 14.
Quando você aceita Cristo em seu coração, Ele sela você com o seu Espírito – “... E tendo nEle (Jesus) também crido, foste selado com o Espírito Santo da promessa ... No qual estais selados para o dia da redenção.”
Assim completa Paulo em Efésios 4: 30.
É maravilhoso o que Jesus fez por nós!
O Senhor comprou você com sangue. Ele o possui, Ele o protege; Ele sela você.

Quando os ladrões do inferno, os seres infernais chamados diabo e demônios vem para roubá-lo como quiseram roubar Moisés de Deus não puderam, e também não poderão roubar você de Jesus, você está selado e se alguém for te tocar o Espírito Santo fica bravo e se levanta em nosso favor, em nossa defesa. Diga: Amém! Graças a Deus!
O Senhor além de nos dá as bênçãos do céu; Ele nos deu a Sua presença.
O Espírito do Senhor habita em nós!

Li esta frase: “Às vezes quando tudo dá errado acontecem coisas maravilhosas que jamais teriam acontecido se tudo tivesse dado certo.” Foi isto: Jesus morreu na cruz e para Pedro, João, Tiago e os outros deu tudo errado, até que naquela manhã de domingo, algo maravilhoso aconteceu, Jesus ressuscitou e Ele te ama. Tudo deu certo!
Graça é isto, é para dizer o quanto Deus te ama; o quanto Ele te perdoa e o preço que Ele pagou pela sua vida – “O sangue de seu único filho – Jesus!” Aleluia!!!

A graça não permite que você viva com os rótulos do passado, mas, faz tudo novo em você; porque, Deus te fez uma nova criatura.
Ninguém é conhecido como ex-malandro, ex-alcoólatra, ex-cidadão do inferno,
ex- coisa-ruim, ex-cão, mas, todos foram lavados no sangue do Cordeiro e feitos príncipes e princesas do Reino de Deus.
Aplauda ao Senhor Deus Todo-Poderoso!
Glorificado seja Yeshua Há Maschiach!

Na canção The Nails – A versão diz: “Os pregos em suas mãos, os pregos em seus pés. Eles me contam o quanto me amas.
A coroa em sua cabeça, ela me conta quanta dor suportou para me amar.
E quando o céu passar, suas cicatrizes vão permanecer e para sempre vão dizer o quanto me ama, então, eu quero dizer:
Para sempre meu amor.
Para sempre meu coração.
Para sempre minha vida; minha vida é sua.”

Glória a Jesus! Nossas vidas pertencem a Jesus, entregamos a Ele, porque, nEle acreditamos, confiamos e amamos.
“... Pelo sangue de Jesus, pelo novo e vivo caminho que Ele nos consagrou ... Retenhamos firme a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu.”
Está escrito em Hebreus 10: 19 a 23.
O escritor Philip Yancey no seu livro “Rumores do Outro Mundo” conta a história de um pobre homem preso na Segunda Guerra Mundial pelo exército japonês. Este soldado foi jogado no campo dos prisioneiros, faziam trabalho forçado, eram torturados e mortos.
Então, aconteceu algo que chamaram de “O Milagre do Rio Kwai”, um acontecimento que comoveu os prisioneiros.
Os guardas japoneses contavam cuidadosamente as ferramentas no final de cada jornada de trabalho.
Certo dia, um guarda gritou que uma pá estava faltando. E fizeram as fileiras de prisioneiros para descobrirem quem tinha roubado.
Quando ninguém confessou, o guarda gritou: “Todos morrem! Todos morrem!”
Levantou o seu rifle para atirar no primeiro homem da fila, quando, nesse instante, um homem deu um passo à frente, ficou em posição de sentido e disse: “Fui eu.”
Furioso, o guarda partiu para cima deste homem e o esmurrou, chutou, deu uma coronhada na cabeça dele e o espancou.

O homem caiu no chão e ainda assim mesmo, continuou sendo chutado, chutes no corpo imóvel, ele estava morto.
Os outros prisioneiros pegaram o cadáver do amigo e marcharam de volta para o campo de trabalho e lá o enterraram.
Naquela noite, as ferramentas foram novamente contadas, e a equipe de trabalho descobriu que um erro havia sido cometido na contagem das ferramentas: “Não faltava nenhuma pá.”

Um dos prisioneiros lembrou-se deste versículo: “Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida pelo seus amigos.” – João 15: 13.
Jesus o fez por nós!
A graça divina se deu sem ter culpa alguma!
As atitudes daquele campo a partir de então começaram a mudar.
Os prisioneiros passaram a tratar os mortos com respeito, organizando enterros e funerais, marcando cada sepultura com uma cruz. Sem que ninguém dissesse nada, os prisioneiros começaram a cuidar uns dos outros, em vez de si mesmos.
Os roubos pararam. Cuidavam dos feridos e disse um deles: “Ainda que a morte estava entre nós e o ódio - é verdade, mas, também havia amor e também havia vida.
Deus não nos abandonou. Estava conosco e chamava-nos para viver, irmanados, a vida divina.” É o que Deus está fazendo.
Creia em Jesus! Receba o Espírito da graça no seu coração! Amém!!! Amém!!!

 
 

 

Copyright © 2001-2007 Igreja Batista em Milionários - All rights reserved.
Rua Santa Alexandrina, 573 - Milionários - Belo Horizonte - CEP 30620-830 - MG - Telefax.:(31) 3321-7894

" Toda honra, toda glória e todo louvor seja dada ao nosso Deus "

webdesign