1

Pastora Marli de Oliveira Santana 

        

Tema:  A Palavra do Senhor é Justiça

Texto: Ísaías 45 : 22 - 23

“Olhai para Mim, e sereis salvos, vós, todos os confins da terra; porque Eu sou Deus, e não há outro.
Por Mim mesmo jurei; já saiu da minha boca a palavra da justiça, e não tornará atrás.
Diante de mim se dobrará todo joelho, e jurará toda língua.” - Isaias 45: 22 – 23.

Não há outro Deus, além do Senhor; Ele é poderoso, magnífico, excelso, supremo e verdadeiro!
O Senhor nos faz um convite, o maior de todos os tempos: “Olhai para Mim e sereis salvos!”
Temos que voltar o nosso coração para Deus!
Só Ele, o Senhor pode nos salvar e não há outro igual, tão poderoso na terra, não há no céu e nem debaixo da terra. Só o Senhor é Deus! Aleluia! Glória a Deus!
O Senhor nosso Deus é incomparável! Aplaudi!!!

O único Deus verdadeiro é o Senhor, Pai de nosso salvador Jesus Cristo, que deu Sua vida por nós!
Há um decreto: “A Palavra do Senhor é Justiça!”
No verso 23 está escrito: “... Saiu da minha boca a palavra de justiça e não voltará atrás que diante de Mim, se dobrará todo joelho e por Mim jurará toda a língua.” Glória a Deus! Bendito seja o Senhor!
Quando Deus fala, tá falado! Quando Deus diz, tá dito!
A autoridade é do Senhor e ponto final!
Então, já está decretado pela boca do Senhor:
“Todos comparecerão diante do tribunal de Cristo!”
Todos estarão lá! Não há nenhuma exceção! Ninguém será esquecido! Ninguém será liberado! Ninguém irá faltar! Ninguém irá se atrasar! Não há como enrolar, enganar, não há jeitinho brasileiro que possa dar  um jeito, todos comparecerão diante do tribunal de Cristo no dia determinado, no dia marcado para o juízo divino. Jesus é o justo juiz!
Todos naquele dia confessarão que Jesus Cristo é Senhor e Rei! Jesus é soberano! Aleluia!
Esta palavra do profeta Isaias se cumpriu em Yeshua, em Jesus; Paulo confirma assim:
“Pelo que Deus o exaltou soberanamente e lhe deu um nome que é sobre todo o nome, para que ao nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra, e toda língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para a glória de Deus Pai!”
Aleluia! Jesus Cristo é o Senhor! Aplaudi!!!

Louvado seja Deus! Glória ao Filho e ao Espírito Santo!
Texto descrito em Filip. 2: 9 – 11. Amém!
A palavra de Deus é toda a verdade!
E por ser a verdade, a palavra de Deus é justiça!
Jesus disse que pode passar o céu e a terra, mas, a Sua palavra não passará. – Mat. 24: 35.
O propósito de Deus é para nos achegar à Ele, quando Deus criou o homem e a mulher, o Senhor projetou uma vida abundante para ser vivida por Adão e Eva.
Deus colocou Adão e Eva no Jardim do Éden, afim, de que eles pudessem governar a terra.
Tudo que foi criado, céus, terra, mar, sol, lua, estrelas, chuva, árvores, sementes, bichos e peixes foram criados pela Palavra poderosa de Deus.

A Bíblia nos revela o que fez Deus, quando veio e viu que a terra era sem forma e vazia:
“E disse Deus: Haja luz. E houve luz.” – Gen. 1: 2 e 3.
E Deus viu que tudo era bom, muito bom!
O Senhor é o Divino Arquiteto, Ele fez tudo perfeito!
Ele fez a mim e a você de forma diferente e especial, muito especial, com Suas mãos trabalhou o barro e nos fez à Sua imagem e a Sua semelhança! Aleluia!
Glória a Deus! Somos amados do Pai! Aplaudi o Senhor!
Macho e fêmea os criou, diz a Bíblia; homem e mulher para o louvor de Sua glória!
A manifestação da glória de Deus em nós!
Com Suas próprias mãos nos fez!

Deus soprou em nós o espírito da vida!
Plantou um jardim no Éden e lá Deus nos abençoou!
E disse: “Frutificai, e multiplicai-vos, e enchei a terra, e sujeitai-a; e dominai sobre os peixes do mar, e sobre as aves do céus, e sobre todo o animal que se move sobre a terra.” – Gên. 1: 28.
Deus deu uma palavra de autoridade e de governo para o homem.
A Palavra de um homem tem que ser firme, verdadeira e simples. Um homem não pode ter língua dobre, diz uma coisa ali e outra acolá, sim, sim, não, não.
Viver assim é viver na expectativa de autoridade que o Senhor nos deu lá no principio no Éden.
Porém, havia um decreto da parte do Senhor:

“E ordenou o Senhor ao homem, dizendo: De toda a árvore do jardim comerás livremente.
Mas da árvore da ciência do bem e do mal, dela não comerás; porque, no dia em que dela comeres, certamente morrerás.” - Gên. 2: 16 e 17.
Nós sabemos e sabemos muito bem, do final trágico da história da criação e a justiça de Deus veio e mediu como um prumo e fomos reprovados, tortos, manchados e caídos. Foi uma pena!
Caímos, falhamos, pecamos e separados de Deus estávamos, porque, Adão e Eva não obedeceram a voz do Senhor. Não obedeceram a Deus e a Bíblia diz que todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus. – Rom. 3: 23. Que Deus tenha compaixão!

A boca do Senhor liberou uma palavra de justiça, uma ordem: “Não comerás!”
E veio uma afirmação: “No dia em que dela comeres, morrerás.”
Deus não escondeu nada, não fez pegadinha, não fez uma cilada, nada encobriu, porém, tudo revelou:
“Não coma, que morre!” Deus é justo e verdadeiro!
A sentença da justiça de Deus caiu como uma bomba na cabeça de Adão: “No suor do teu rosto comerás o teu pão, até que tornes a terra, porque, dela foste tomado, porquanto, és pó e ao pó tornarás.”
E a Eva, a mulher, a sentença do Criador:
“Multiplicarei grandemente a tua dor e a tua conceição, e com dor terás filhos e o teu desejo será para o teu marido e ele te dominará.” Gen. 3: 16 e 19.
Mas, aqui daremos brados de júbilo a Jesus Cristo!
Porque, Ele, Jesus foi a semente da mulher, que Deus prometeu naquele dia de angustia, a semente que iria pisar na cabeça da serpente e a esmagaria.
Jesus é a nossa semente! Jesus é o nosso troco na antiga serpente! Jesus é a nossa vingança ou a nossa justiça na antiga serpente, que acha que nos pegou, mas, nós não somos bobas nem nada, damos nela o golpe final, gestamos em nossa ventre o Filho que iria nos defender e vencer quem nos golpeou covardemente e Jesus nascido de mulher, do ventre de Maria, prevaleceu, nos justificou e assim a justiça que veio da boca do Senhor, nos fez leoas vencedoras, guerreiras e heróicas no poderoso nome de Jesus Cristo! Aleluia! Glória a Yeshua!
Jesus é a nossa justiça! Aplauda Jesus Cristo! Amém!
Paulo escreveu em I Cor. 15: 21 e 22: “Porque assim como a morte veio por um homem, também, a ressurreição veio por um homem, porque assim como todos morrem em Adão, assim também serão vivificados em Cristo!” Aleluia! Dê brados de louvor!
Jesus é o nosso salvador, nosso libertador, nosso justificador, nosso redentor, portanto, temos a redenção da alma pelo Seu sangue eterno que nos purifica de todo o pecado, sangue puro que nos purifica de todo o mal, sangue que nos justifica, sangue que nos santifica, sangue que nos salva.

“Aquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nEle fôssemos feitos justiça de Deus.” – II Cor. 5: 21.
“... Ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão brancos como a neve, ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a branca lã.”
“Se quiserdes e me ouvirdes, comereis o bem desta terra. “ – Profeta Isaias 1: 18 e 19.
É só ouvir e obedecer a voz do Senhor!
Praticai a Palavra de Deus que está no seu coração! Amai a justiça do Senhor e vivei!

Bem disse o Salmista: “O Senhor é a minha porção; eu disse que observaria as tuas palavras.” – Sal. 119: 57.
“Para sempre, ó Senhor a tua palavra permanece no céu.” - Sal. 119: 89.
“Lâmpada para os meus pés é tua palavra, e luz para o meu caminho.” – Sal. 119: 105.
Devemos amar a Palavra do Senhor!
Temos que viver a Palavra de Deus!
É preciso praticar esta Palavra!
Assim nos aconselhou o Apóstolo Tiago 1: 22:

“Sejam praticantes da Palavra e não somente ouvintes.”
Teoria sem prática é como comprar comida e não comer!
É como ter uma bola e não jogar!
Ou como ter uma Bíblia e não ler!
Da boca de Deus, vem alimento para a nossa alma!
Uma palavra de fé é lançada, uma semente de vitória é nos dada! Glória a Deus!
Diante de uma sentença de morte, só haveria uma saída, um escape: “Alguém morrer no lugar da gente!”
Um salvador, talvez, que pudesse aparecer, um remidor, alguém que o justo Juiz aceitasse.
Somente alguém justo para nos justificar!
Somente alguém puro para nos purificar!
Esta terra foi pisada pelo Verbo de Deus, veja o que escreveu o apóstolo João: “No principio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. E o Verbo se fez carne e habitou entre nós e vimos a Sua glória como a glória do unigênito do Pai, cheio de graça e de verdade.” Jo. 1: 1 e 14. Esta glória é Jesus!
Amai a Jesus! O Verbo de Deus é Jesus!
Jesus Cristo é a expressão maior do céu!
Yeshua é a expressão eterna, Verbo de Deus!
Deus proferiu a Sua Palavra através do Verbo vivo, Seu Filho!
“Havendo Deus antigamente falado muitas vezes, e de muitas maneiras, aos pais, pelos profetas, a nós falou-nos nestes últimos dias pelo Filho, a quem constituiu herdeiro de tudo, por que fez o mundo. O qual, sendo resplendor da sua glória, e a expressa imagem da Sua pessoa, e sustentando todas as coisas pela palavra do Seu poder, havendo feito por Si mesmo a purificação dos nossos pecados, assentou-se à destra da majestade nas alturas; feito mais excelente do que os anjos, quanto herdou mais excelente nome do que eles.” Hebr. 1: 1- 4. Aplauda a Jesus!
É tremenda esta palavra de revelação; tremenda e gloriosa! Glória ao Pai e ao Filho!
Jesus é a justiça de Deus! Bendito seja Yeshua!
Por isto é fácil obter, ganhar a justiça de Deus em nossos corações!

Você será declarado pela fé: Justo!
Você será chamado por causa do sangue de Jesus na sua vida de: “O justo de Deus!”
Nenhuma condenação há para aqueles que estão em Cristo Jesus!
Para isto é preciso receber Jesus Cristo em seu coração, entregar a sua vida a Ele e nEle confiar o destino de sua alma e seu espírito.
Só a justiça de Deus que está em Cristo poderá livrá-lo da condenação do inferno!
Se a ira de Deus vem, a justiça do amor de Jesus a desvia e Ele nos guarda do mal!

“Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou tem a vida eterna e não entrará em condenação, mas, passou da morte para a vida.” - Jo. 5: 24. Jesus garantiu que não entraremos em condenação se ouvirmos e obedecermos a Sua palavra, crer em Deus de toda nossa alma! Temos uma garantia de fé!
Jesus disse certa vez a Judas (não o Iscariotes), mas, ao Tadeu; Ele disse: “Se alguém me ama, guardará a minha palavra, e o meu Pai o amará, e viremos para ele, e faremos nele morada. Quem não me ama, não guarda as minhas palavras, ora, a palavra que ouviste não é minha, mas, do Pai que me enviou.”
Registro de João cap. 14 versos 23 e 24.
Jesus disse que estamos limpos pela Palavra!
A Palavra de Deus nos limpa!
Se a Palavra de Deus nos limpa, Ela também nos justifica! Dê glória a Deus! Louvado seja!
Se não conhecermos a palavra de Deus, não conheceremos o Seu poder!
“Errais por não conhecerdes as Escrituras”, afirmou Jesus, certa feita.

Muitos querem glória de Deus, muitos querem unção, muitos querem milagres, muitos querem revelação, muitos correm atrás de profecias, muitos querem posição de destaque, muitos querem prosperidade, mas, não querem conhecer e praticar a Palavra de Deus. Muitos querem isso e aquilo, porém, está escrito: “Eis que obedecer é melhor do que o sacrificar, e o atender melhor é do que a gordura de carneiros. Porque rebelião é pecado de feitiçaria, e o porfiar é como iniqüidade e idolatria ... Porque rejeitaste a Palavra do Senhor ...” – I Sam. 15: 22 e 23.

O Senhor nosso Deus deseja ter filhos comprometidos com a Sua Palavra.
Temos que ser filhos comprometidos com a verdade de Deus!
Não importa o que os outros digam, o que importa é o que o Senhor diz.
O que diz o Senhor; é verdade absoluta, incontestável para todos nós!
Se amamos a Deus, devemos amar a Sua Palavra! Cumprir os mandamentos do Senhor!
Os profetas de Deus sempre falaram em linha com a Palavra do Senhor!

Quando os profetas chegavam diante de algum rei para ministrar a eles, sempre diziam:
“Assim diz o Senhor!” Quem diz é o Senhor!
Não podemos ter medo da justiça de Deus, ela não nos condena, mas, ela nos absolve por causa de Jesus! Jesus é a Palavra revelada!
A Palavra do Senhor é justiça! Aplaudi a Deus!
Na cruz, Jesus liberou uma palavra que selou a nossa redenção, quebrou toda a maldição, riscou toda o escrito de divida que era contra nós, Jesus anulou completamente toda sentença de condenação, dilacerado pelos açoites dos carrascos, Jesus pregado pelos cravos medonhos no madeiro; exclamou:
“Tudo está consumado!”
Ali Jesus colocou um ponto final no nosso drama que começou lá no Éden.
Jesus colocou um ponto final no drama de nossa história. Se Adão não ouviu a Palavra de Deus, Jesus ouviu. Se Adão desobedeceu, Jesus obedeceu! Ali na cruz, Jesus decretou a nossa justificação! Aleluia! Glória a Deus!
A Palavra de Deus tem poder!
Esta palavra tem poder para nos justificar!

Somos justificados pela poderosa palavra de Deus! O que Deus diz, tá dito! Não há diabo, não há demônio, não há homem algum, nem anjo que diga ao contrário e que prevaleça.
Jesus é a verdade, verdade absoluta!
Morra para o pecado e viva para Deus!
Torne-se amigo de Deus! E ouça a palavra de Cristo em Mat. 25: 34: “Vinde benditos de meu Pai, possuí por herança o reino que está preparado deste a fundação do mundo.”
“Olhai para Mim e sereis salvos”; assim proclama a voz da Justiça no céu! Amém!!!

 
 

Copyright © 2001-2007 Igreja Batista em Milionários - All rights reserved.
Rua Santa Alexandrina, 573 - Milionários - Belo Horizonte - CEP 30620-830 - MG - Telefax.:(31) 3321-7894

" Toda honra, toda glória e todo louvor seja dada ao nosso Deus "

webdesign